quarta-feira, 24 de março de 2010

Desorientação

A desorientação as vezes nos invade e nos deixa totalmente sem norte,
sem saber o que fazer ai so nos falta esperar o resultado com paciência.
Oswaldo

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

rEsPeItO

Respeito pEla vida ,

pelo mUNdo,

pelas pessOAS e

POR NÓS MESMOS.

oWSALDO

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

COMPORTAMENTO DIANTE DAS COISAS

Sei que poderia ter vários comportamentos diante das situações da minha vida, porém depois de muito pensar e avaliar o que eu posso sentir diante de cada desafio que a vida me apresenta, acredito que são duas atitudes mais oportunas para eu me sentir bem após as ocorrências, COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE.
Oswaldo

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Como definir a tristeza? Como cada um a senti?

Eu sinto uma profunda dor que altera minha vontade levando-me ao desanimo e deixa-me alheio ao mundo.
Sinto que será o fim, uma dor sem possibilidades de recuperação, nada pode ajudar a melhorar ou mudar este estado depressivo e melancólico.
Tristeza, um estado de sofrimento profundo de sentimentos horríveis e penosos, o ideal seria não entrarmos neste estado desagradável, para prevenir e evitar este estado acredito que devemos nos preparar emocionalmente assim tornamo-nos mais fortes evitando entrar em estado de tristeza. Porem este estado pertence a todos os seres vivos, sejam eles racionais ou irracionais.
Oswaldo

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Mais uma definição de SOBERBA

VANITAS,VANITATES;VAIDADE DAS VAIDADES,TUDO É VAIDADE,DIZIA SALOMÃO.
A soberba é o sentimento da ostentação,do supérfluo,do prazer.È querer ser melhor que os outros,aparecer mais,não tolerar competidores.Não podendo vence-los os diminui,ridiculariza.O soberbo olha o mundo ao redor de si,achando-se o centro do universo e,que,fora do seu umbigo não há salvação.Êle é o próprio deus Hélio,o centro de tudo,Na escola,no trabalho,no cotidiano conhecemos muitas pessoas assim.Alguns fingem ser o que não são,gralhas com penas de pavão,que,desmascaradas,são enxotadas do mundo dos ricos e sábios e ridicularizadas no seu próprio meio;vivem no limbo social e,se desesperam.Como todo pecado avaliado pela igreja como capital(vem do latim caput,cabeça)a soberba traz consigo um leque de “amigos”,todos,de uma forma ou de outra,ligados a ela:a luxuria,a altivez,a presunção,a vaidade,a arrogância e o orgulho.A”cabeça”gerou todos esses membros,daí o nome,capital.O demônio da soberba é o nosso conhecido lúcifer,o anjo decaído.Aquele mesmo que tentou Cristo,lembram:-Tudo isso te darei se prostrado me adorares”;porque é isso que o soberbo quer,adoração.
REtirado parcialmente do Artigonal doretório de artigos gratuítos
Oswaldo

SOBERBA

A soberba é um dos sete pecados capitais
A soberba não é privilégio dos ricos. Os pobres também podem experimentar a soberba ao se considerarem especiais e buscando fingir serem o que não são. Não só através de
bens materiais, pois muitas vezes a pessoa pode se sentir superior aos outros por acreditar que é o melhor no que faz, no que decide, na sua capacidade de resolver situações.
Enquanto o
invejoso guarda tal sentimento para si, se remoendo internamente (talvez até com medo das denotações negativas que tal sentimento pode compor), o soberbo tende a se mostrar, pois está enamorado com a própria existência. O soberbo se sente auto-realizado, querendo mostrar-se para os outros a todo preço, querendo despertar a inveja e a admiração dos outros, como se isso elevasse sua estima ao máximo e lhe trouxesse prazer.
O soberbo quer superar sempre os outros, mas quando é superado, logo se deixa dominar pela inveja. Para o soberbo, ele deve sempre estar no topo, sendo o parâmetro mais alto para as pessoas, despertando interesse e
curiosidade de todos. Quando é superado, logo o soberbo se sente ameaçado, atingido, sendo tomado pela inveja no sentido ruim, querendo depreciar os outros e vangloriar-se, sem que para isso se estruture para se superar ou até fazer uma avaliação da vida, dando-se em determinado momento por satisfeito.
Retiradoparcialmente da wikipédia
Oswaldo

sábado, 19 de dezembro de 2009

FELIZ PARA SEMPRE.

As datas não nos fazem felizes, nem mudam nossas vidas, nossas emoções equilibradas é que fazem as datas serem felizes e agradáveis.
Feliz natal e um ano novo renovado a todos que passaram por este blog, espero ter ajudado com as informações que publiquei aqui.
Paz
Oswaldo Luiz de Moraes